Giro de Notícias: "Mandela celebra 94 anos com festa por toda a África do Sul" é um dos destaques de hoje

Número de mortes por Aids cai 24% entre 2005 e 2011 no mundo, diz ONU
Um relatório da Organização das Nações Unidas (ONU) apresentado nesta quarta-feira (18) aponta que o número de mortes por Aids em todo o mundo caiu 24% entre 2005 e 2011.
O total de óbitos passou de mais de 2,2 milhões há sete anos, quando atingiu o ápice, para 1,7 milhão no ano passado. O dado indica uma melhoria no tratamento com remédios antirretrovirais e na sobrevida dos pacientes.
Na década de 1980, o tempo de vida dos soropositivos era, em média, de cinco meses. Hoje, chega a dez anos ou mais.
Em 2011, a quantidade de novos infectados pelo vírus HIV foi de 2,5 milhões de pessoas, dado considerado baixo pela ONU. Ao todo, 34,2 milhões de pessoas no planeta são soropositivas. O número, relativo a 2011, é o maior já verificado pela entidade.
Fonte: G1
Assassinatos entre jovens crescem 375,9% em 30 anos, aponta pesquisa
A taxa de homicídios entre crianças e jovens com idades entre 1 e 19 anos cresceu 375,9% nas últimas três décadas, segundo o Mapa da Violência 2012- Crianças e Adolescentes do Brasil, divulgado nesta quarta-feira pelo Centro Brasileiro de Estudos Latino-Americanos (Cebela) com base em dados do Ministério da Saúde.
O levantamento compara os números de 1980 com os de 2010 e aponta que, atualmente, os assassinatos possuem o maior peso dentre os fatores externos que provocam as mortes de jovens no país. Em 2010, os fatores externos (assassinatos, acidentes, suicídios) representavam 26,5% das mortes nessa faixa etária – em 1980 eram apenas 6,7% do total.
Fonte: G1
‘É uma situação constrangedora’, diz senador sobre vídeo de assessora
O senador Ciro Nogueira (PP-PI) afirmou nesta terça-feira (17) à noite que passa por uma situação “muito constrangedora” por causa de um vídeo, vazado na semana passada no Senado, que mostra uma mulher em cenas de sexo. Ela seria Denise Leitão Rocha, uma de suas assessoras parlamentares. A gravação circulou entre assessores e jornalistas que cobrem a CPI do Cachoeira em meio a versões conflitantes sobre a origem e as circunstâncias do vazamento, ainda não esclarecidas.
O vídeo chamou a atenção dos jornalistas durante o depoimento do prefeito de Palmas, Raul Filho (PT), na última terça-feira (10), no Senado. Antes disso, já era conhecido por alguns jornalistas, mas foi visto na tela de laptops de alguns parlamentares durante a sessão. Na ocasião, Denise chegou a entrar na sala, mas diante da curiosidade de fotógrafos e jornalistas, evitou levantar o rosto e saiu em 5 minutos.
Depois dos vazamento, o vídeo foi largamente repassado e exibido no comitê de imprensa do Senado, onde ficam os jornalistas. Com a repercussão interna, a assessora pediu um afastamento, aproveitando o período de recesso dos parlamentares. “Achei bom ela tirar essa licença, para evitar qualquer tipo de pré-julgamento, nem cometer injustiça, antes de isso ser esclarecido”, ponderou Ciro.
Fonte: G1
Após 13 dias, suspeito de matar ex-modelo segue internado em SP
O marido da ex-modelo Babila Teixeira Marcos seguia internado em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Doutor Arthur Ribeiro de Saboya, como informou nesta quarta-feira (18) a Secretaria Municipal da Saúde. Ele é suspeito de matar Babila a facadas, na madrugada do dia 5 de julho, na Zona Sul de São Paulo. Depois do crime, ele tentou se matar também com a faca, segundo a polícia.
A Polícia Civil diz que a modelo, de 24 anos, foi assassinada após uma discussão ocorrida depois de o casal assistir ao jogo do Corinthians pela final da Libertadores. A briga foi motivada por ciúmes. De acordo com a delegada Lisandreia Colabuono, da 2ª Delegacia da Mulher, o irmão do autor do crime encontrou os dois no apartamento em que moravam, na Rua Barrânia, no bairro do Jabaquara, na Zona Sul da capital paulista. A modelo já estava morta e o marido, inconsciente.
Fonte: G1
Preso que teria ouvido confissão de Bola é recapturado após fuga
O detento Jaílson Alves de Oliveira, que denunciou à Justiça ter ouvido a confissão de um dos réus no caso Eliza Samudio, foi recapturado na noite desta terça-feira (17) na Região do Vale do Rio Doce, após fugir de uma unidade prisional em Belo Horizonte. A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Seds) não informou as circunstâncias da fuga, mas disse que um procedimento de apuração foi aberto.
Oliveira foi ouvido pela Polícia Civil no fim do ano passado e disse que o ex-policial Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, afirmou ter matado a ex-namorada do goleiro Bruno Fernandes, queimado o corpo e jogado em uma lagoa. À época, houve uma acareação, e as declarações foram negadas por Bola e pelo defensor dele.
Ainda segundo Oliveira, Bola tinha um plano para matar cinco pessoas envolvidas nas investigações e no processo judicial sobre a morte da ex-namorada do goleiro Bruno Fernandes. Os alvos seriam o delegado Edson Moreira, que presidiu o inquérito; a juíza do processo, Marixa Fabiane Rodrigues; o deputado Durval Ângelo, presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia de Minas Gerais; o advogado Ércio Quaresma, que já defendeu o goleiro Bruno no processo; e José Arteiro Cavalcanti, que representa a família de Eliza.
De acordo com a Polícia Civil, Oliveira denunciou à Justiça que escutou uma conversa do ex-policial quando estavam na mesma unidade prisional, e o Departamento de Operações Especiais (Deoesp) foi designado para apurar o caso. O suposto esquema revelado envolvia também o goleiro Bruno e Luiz Henrique Romão, o Macarrão, réus no caso Eliza. Eles negaram envolvimento.
Fonte: G1
Mandela celebra 94 anos com festa por toda a África do Sul
O ex-presidente da África do Sul Nelson Mandela completa 94 anos nesta quarta-feira (18). Dezenas de eventos estão previstos por todo o país. Desde 2010 é celebrado no mundo todo como o Dia Internacional de Mandela.
O ex-líder sul-africano passará seu aniversário acompanhado de sua família na sua casa em Qunu, localidade onde viveu durante sua infância e à qual se transferiu em maio após uma breve internação em Johanesburgo para submeter-se a uma laparoscopia devido a uma dor abdominal.
Sob vigilância médica desde 2011, Mandela “goza de boa saúde”, assegurou em maio passado o atual presidente da África do Sul, Jacob Zuma.
O mundo celebra o Dia Internacional de Mandela, uma iniciativa da ONU para estimular todos os cidadãos a dedicarem 67 minutos a causas sociais, um minuto por ano que o líder sul-africano dedicou a lutar pela igualdade racial e ao fim do apartheid.
Na África do Sul, o Centro da Memória de Nelson Mandela contou pelo menos 80 eventos organizados por ocasião do aniversário, indo desde a recuperação de escolas e a construção de casas até uma expedição ao Kilimanjaro, o monte mais alto da África.
Fonte: G1
Servidores em greve fazem marcha na Esplanada dos Ministérios
Servidores federais em greve de várias carreiras do funcionalismo público fechararm as seis faixas da Esplanada dos Ministérios durante marcha na  manhã desta quarta-feira (18). Os manifestantes exigem a abertura de negociação sobre reajuste salarial com o governo.
Os servidores pedem uma reunião com a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, para discutir as três principais reivindicações da categoria: reajuste salarial, implantação do plano de carreira e melhores condições de trabalho.
Fonte: G1
Criminoso nazista vai ficar em prisão domiciliar na Hungria, diz advogado
O criminoso de guerra nazista considerado o mais procurado do mundo, o húngaro Laszlo Csatary, de 97 anos, vai ficar em prisão domiciliar, por uma decisão do juiz, informou seu advogado.
A prisão vale por 30 dias, afirmou seu advogado Gabor Horvath.
Csatary foi detido na madrugada desta quarta-feira e “disse não ser culpado”, argumentando que “estava cumprindo ordens”, informou o procurador de Budapeste, Tibor Ibolya.
Fonte: G1
Pai de criança morta admite que bateu para ‘educar’, diz delegado
O pedreiro Widemberg de Araújo Souza, 22 anos, suspeito de espancar o filho de 2 anos, assumiu em depoimento aos policiais da 32ª DP (Taquara) que bateu na criança. As informações são do delegado-adjunto Maurício Mendonça de Carvalho, que participa da investigação do caso. Segundo ele, Widemberg negou que tenha torturado o menino, mas alegou ter batido nele, na segunda-feira (16), porque a criança mexeu no gás de cozinha.
O menino foi levado para o Hospital Cardoso Fontes, em Jacarepaguá, às 16h de terça-feira (17), e morreu logo em seguida. De acordo com o delegado, ele estava com várias escoriações, hematomas, fratura e arranhões no corpo. Em depoimento, a madrasta alegou que a criança tinha caído da cama.
Ainda segundo a polícia, a madrasta do menino, Luana Rodrigues do Nascimento, 23 anos, disse no depoimento que Widemberg não gostava do filho e as agressões eram constantes. Ela também assumiu que chegou a bater na criança, mas, segundo ela, eram “palmadas” dadas com o objetivo de educar. Luana vivia com Widemberg havia dois anos.
Fonte: G1
Anúncios

Publicado em 18 de julho de 2012, em Giro de Noticias. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: