Arquivo da categoria: Voz da Paixão

Voz da Paixão: Reapresentação do Último Capítulo!

Capítulo 19
A polícia invade o quarto, Matheus se lança pela janela, entra em um carro e começa a fugir. A polícia, que dessa vez estava mais alerta, conseguiu ir atrás de Matheus.
Após várias horas de perseguição, Matheus pega um caminho por onde nunca passou. Ele chega a um penhasco. Perdido, ele entra em desespero:
– Não cheguem perto de mim, não encostem em mim… Saiam daqui, eu tenho uma arma.
Matheus diz:
– Como pude me entregar a essa obsessão terrível? Amar um homem? Uma pessoa como eu? Francisco, nunca vou ter você para mim…
Matheus entra no carro e diz a seguinte frase:
– Ana Carmita, te odeio para sempre! Francisco, para sempre, o meu amor!
Ao dizer essas palavras, ele pisa no acelerador e se joga do penhasco e morre.
Chega o dia do velório.
Na sala em que Matheus foi velado, só havia o caixão. Ele havia arrumado brigas com todas as pessoas que passaram por sua vida. Ele, na sua adolescência, matou seu pai e sua mãe a pauladas. Em total descontrole, matou todas as namoradas dos rapazes que ele gostou. Uma força maior tomou conta da mente dele e o que era uma opção sexual se transformou em uma doença mortal.
Francisco, movido por extrema compaixão, foi ao velório:
– Matheus. Minhas lembranças. Pra mim você não significou nada, mas você me amou. Obrigado por me amar, mas o meu destino já está selado e não era para ser com você!
Francisco coloca seus óculos escuros e vai para o hospital visitar Carmita. Ao chegar lá, o doutor tem uma péssima notícia para entregar:
– Francisco? Você é o “quase” esposo da paciente Ana Carmita?
– Sim, sou eu!
O doutor prossegue:
– Hoje, Ana Carmita teve duas paradas cardíacas. Mas ela sobreviveu! Em breve ela poderá voltar para a casa!
Francisco dá pulos de alegria.
2 anos depois – Porto Alegre, Rio Grande do Sul
Francisco e Carmita, junto com Otávio e Christina Maria, filha recém-nascida do casal, eles começam a ver um álbum de fotografias.
Nele continha uma foto de Ortência. Ortência havia morrido e Ewerton que a matou, foi preso e nunca mais foi visto pelas ruas da cidade.
Havia também uma foto de Eloísa e Yanka. Duas princesas, no mundo da alta sociedade, as duas viraram patricinhas e tinham todos os gatinhos aos seus pés.
Havia fotos de Pamella. Ela havia se casado com Gustavo, um rapaz que conheceu em uma viagem ao Piauí.
A última foto é tirada no momento em que a família Bustamantt fecha o álbum de fotografias. Nela continham Francisco, Ana Carmita, Otávio e Christina Maria, uma família que passou por diversas dificuldades, mas ouviram a “VOZ DA PAIXÃO” e viveram felizes por mais alguns anos!
FIM
Autores: Luís Henriq e Francisco Neto 

Daqui a pouco tem o “Balanço Total”, com o resultado da votação da enquete sobre “Voz da Paixão”. Não saia daí!
 
E dia 4 julho, às 6 da tarde, em substituição à esse grande sucesso, o UHTV! vem com tudo para estrear a inedita “Vidas Proibidas”. Criada e escrita por Luís Henriq, essa é mais uma grande história que vai mover os seus fins de tarde.
Não importa onde, como ou porque. Todos nós nascemos para ser feliz. Com o tempo criamos os nossos próprios caminhos e vamos dando rumos à nossas vidas. 
Mas…
Seria possível uma vida ser proibida de ser feliz?

É segunda, dia 4 de julho, às 6 da tarde. Só aqui, no UHTV!

UHTV! Web-Novelas de Qualidade pra Você! 
Anúncios

Reapresentação do Último Capítulo!

DAQUI A POUCO, às 6 da tarde, vamos reapresentar o último capítulo de “Voz da Paixão”.
Escrita por Luís Henriq e Francisco Netto, a web trouxe muita expectativa, emoção e suspense para você, leitor. Com uma história cheia de acontecimentos, que começou com juramento de amizade, teve grandes tragédias e terá um fim encantador. A trama nos envolveu nos fins de tarde do UHTV!.
A web-novela demonstrou ser uma boa escolha, provando isso em sua audiência que foi muito boa.
E dia 4 julho, às 6 da tarde, em substituição à esse grande sucesso, o UHTV! vem com tudo para estrear a inedita “Vidas Proibidas”. Criada e escrita por Luís Henriq, essa é mais uma grande história que vai mover os seus fins de tarde.
Não importa onde, como ou porque. Todos nós nascemos para ser feliz. Com o tempo criamos os nossos próprios caminhos e vamos dando rumos à nossas vidas. 
Mas…
Seria possível uma vida ser proibida de ser feliz?

É segunda, dia 4 de julho, às 6 da tarde. Só aqui, no UHTV!

Voz da Paixão: O último capítulo da trama reserva fortes e lindas emoções!

Capítulo 19
A polícia invade o quarto, Matheus se lança pela janela, entra em um carro e começa a fugir. A polícia, que dessa vez estava mais alerta, conseguiu ir atrás de Matheus.
Após várias horas de perseguição, Matheus pega um caminho por onde nunca passou. Ele chega a um penhasco. Perdido, ele entra em desespero:
– Não cheguem perto de mim, não encostem em mim… Saiam daqui, eu tenho uma arma.
Matheus diz:
– Como pude me entregar a essa obsessão terrível? Amar um homem? Uma pessoa como eu? Francisco, nunca vou ter você para mim…
Matheus entra no carro e diz a seguinte frase:
– Ana Carmita, te odeio para sempre! Francisco, para sempre, o meu amor!
Ao dizer essas palavras, ele pisa no acelerador e se joga do penhasco e morre.
Chega o dia do velório.
Na sala em que Matheus foi velado, só havia o caixão. Ele havia arrumado brigas com todas as pessoas que passaram por sua vida. Ele, na sua adolescência, matou seu pai e sua mãe a pauladas. Em total descontrole, matou todas as namoradas dos rapazes que ele gostou. Uma força maior tomou conta da mente dele e o que era uma opção sexual se transformou em uma doença mortal.
Francisco, movido por extrema compaixão, foi ao velório:
– Matheus. Minhas lembranças. Pra mim você não significou nada, mas você me amou. Obrigado por me amar, mas o meu destino já está selado e não era para ser com você!
Francisco coloca seus óculos escuros e vai para o hospital visitar Carmita. Ao chegar lá, o doutor tem uma péssima notícia para entregar:
– Francisco? Você é o “quase” esposo da paciente Ana Carmita?
– Sim, sou eu!
O doutor prossegue:
– Hoje, Ana Carmita teve duas paradas cardíacas. Mas ela sobreviveu! Em breve ela poderá voltar para a casa!
Francisco dá pulos de alegria.
2 anos depois – Porto Alegre, Rio Grande do Sul
Francisco e Carmita, junto com Otávio e Christina Maria, filha recém-nascida do casal, eles começam a ver um álbum de fotografias.
Nele continha uma foto de Ortência. Ortência havia morrido e Ewerton que a matou, foi preso e nunca mais foi visto pelas ruas da cidade.
Havia também uma foto de Eloísa e Yanka. Duas princesas, no mundo da alta sociedade, as duas viraram patricinhas e tinham todos os gatinhos aos seus pés.
Havia fotos de Pamella. Ela havia se casado com Gustavo, um rapaz que conheceu em uma viagem ao Piauí.
A última foto é tirada no momento em que a família Bustamantt fecha o álbum de fotografias. Nela continham Francisco, Ana Carmita, Otávio e Christina Maria, uma família que passou por diversas dificuldades, mas ouviram a “VOZ DA PAIXÃO” e viveram felizes por mais alguns anos!
FIM
Autores: Luís Henriq e Francisco Neto   

Nessa segunda, no lugar de “Voz da Paixão”, estreia:
UHTV! Web-Novelas de Qualidade pra Você!

Voz da Paixão: Pamella ouve a voz da amizade e tenta se acertar com Carmitta!

Capítulo 18
A perseguição começa, mas Matheus consegue escapar. A polícia fracassou.

Matheus, em uma mata deserta, diz:
– Carmita, minha flor. Aguarde-me, em breve você morrerá.

No hospital, Carmita estava em agonia, na UTI, a moça esboçava seus últimos momentos de vida. Em pensamentos, ela lembrava:
– Francisco, amor da minha vida, traição, não não não. Pamella, amizade? Por quê? Por quê? Ortência, traição, Otávio, meu bebê, meu bebê!

Ela estava em constante pesadelo. Pamella resolveu fazer uma visita à amiga. Esse poderia ser o último encontro das inseparáveis amigas:
– Carmita! Contigo Amei, Ri Muito, Imaginamos Tantas Armadilhas… CARMITA, cada letra do seu nome me lembra uma emoção…

Pamella começa a chorar:
– E pensar que um dia juramos amizade. Deixamos de ser amigas por causa de homens, por causa de pessoas. Por quê? Essas pessoas vem e vão. Você está indo. Tenha forças amiga, tenho certeza de que mesmo salvando o seu casamento, foi o mínimo que poderia ter feito por tantos anos de amizade.

Carmita ia abraçando cada uma dessas palavras e os pesadelos se tornaram em lindos e belos sonhos de amor e paz.

Matheus não se conforma e logo começa a arquitetar outro plano pra matá-la e conseguir viver com Francisco. Matheus se disfarça, e consegue entrar no hospital sem que ninguém perceba a sua verdadeira identidade.

Ele entra no quarto de Ana Carmita, que está inconsciente:
– Carmita, Carmita. É hora de dar tchau. Quantos anos você tem? 24? Idade boa… 24 anos tentando achar o amor de sua vida, mas tinha que ser justo o meu homem? Pena, quem mandou cruzar o meu caminho?

Matheus pega o travesseiro e começa a sufocá-la, mas Francisco, que estava no horário de visitas, pegou Matheus no quarto:
– Matheus? Será que não se cansa de fazer mal às pessoas, deixe-nos em paz. POLÍCIA, POLÍCIA… SOCORRO!

Matheus diz:
– Matheus, me dá mais uma chance. Quero te fazer feliz… Mulher nenhuma te merece, mas sim, eu, um homem. Eu vou te satisfazer como mulher nenhuma te satisfez.
Francisco fica indignado:
– Cala essa sua boca. Vai caçar quem te queira, ou melhor, a polícia é quem te quer!

Amanhã, o último capítulo desse grande sucesso!

Voz da Paixão: Pamella consegue impedir que o pior aconteça!

Capítulo 17
Depois que tudo estava parado, todos começaram a rir.

O vídeo que estava sendo exibido era um vídeo muito engraçado, com fotos de Carmita e Francisco em sua casa, vestidos de palhaço, brincando com Otávio, filho de Francisco com Ortência que Carmita havia aceitado criar.

Pamella pensa:
– Vai Carmita, é a sua vez, brilhe. Sua vida daqui para frente vai ser só alegria.

Matheus fica furioso, não entendeu o que estava acontecendo:
– Como pode? Estava tudo certo para destruir esse casalzinho ridículo.

Pamella havia combinado com a equipe de vídeo para que trocassem a aparelhagem. O aparelho não tocava fitas e sim DVDs. 

Ela vai até Matheus:
– Iai, Matheusão.. Seu plano foi por água abaixo né. Por isso eu sempre digo: ande antenado na tecnologia para não pagar esses micos… FITA CASSET, isso é o cúmulo da pobreza.
Matheus fica furioso e diz:
– Aguarde-me, acha que desistirei tão facilmente? Sonhe!

Matheus estava decidido em acabar a festa. Ele sobe escondido na parte de cima de Igreja:
– Carmita, Carmita… Se o Francisco não vai ser meu, seu também não será!

O casamento rolava, o padre diz:
– Ana Carmita, você aceita Francisco como seu legítimo esposo?

Ao ouvir essas palavras, Matheus manda um tiro certeiro no coração de Carmita.

Sangrando gravemente Carmita é socorrida às pressas. Francisco, desesperado, diz:
– Fique calma, meu amor! Você vai sobreviver. Você vai passar por essa com vida.
Carmita esboçava seus últimos suspiros. O resgate chegou e junto com o resgate vieram à polícia que detectou Matheus andando pelo telhado da igreja.

Os policiais começam uma grande caçada:
– Vamos atrás dele… Esse delinquente não vai ficar impune. Tentativa de homicídio em um casamento. Quanta criatividade.
Francisco fica nervoso:
– Chega de conversar, vão atrás desse infeliz! Pelo amor de Deus, vão atrás dele, peguem ele!

Puxa… ele conseguiu. Amanhã tem o penúltimo e mais movimentado capítulo. Não deixe de ler!

Voz da Paixão: Começa o casamento. Será que o plano de Matheus vai dar certo?

Capítulo 16
Chega o dia do casamento…

Carmita não se continha em alegria. Já Francisco, desde o acontecido com Matheus, não consegue dar um sorriso verdadeiro, se sentia sujo, impuro. Não tinha mais alegria para viver.

Pamella, foi para Brejo Santo. Ela foi ver o casamento de sua melhor amiga e tentar salvar o casamento dela.
– Meu Deus, me dê uma luz. O Senhor sabe que o Francisco e a Carmita se amam, sabe que eles não merecem sofrer. Me ajude a achar o Matheus, por favor.

Ao falar essas palavras, Pamella é puxada bruscamente por um homem, era Matheus:
– Venha comigo, não vou deixar que você acabe com meus planos.

Pamella fica tranquila e é levada à um cativeiro. Nesse momento, o mais importante para ela era recuperar o vídeo que destruiria a vida de Francisco e Carmita.

Enquanto isso, Carmita estava linda trajando seu belo vestido branco, todo trabalhado em pérolas, com detalhes riquíssimos em diamantes.

Francisco, em sua casa, martelava em sua cabeça a seguinte questão:
– Onde esse Matheus se meteu? O que ele vai fazer com aquele vídeo?

Matheus tinha longas conversas com Pamella no cativeiro em que a prendeu. Enquanto conversavam, chegou um cúmplice de Matheus e disse:
– Matheus, me dá a fita, preciso leva-la pro casamento.

Matheus pega a fita e a entrega para seu cúmplice. Ele ri da cara de Pamella e diz:
– Pronto! Pode ir. Agora você não me remete mais nenhum perigo.

Pamella continua tranquila, deixa o cativeiro e vai em direção à igreja onde o casamento acontecerá.
Ela conversa com a equipe que estava tomando conta do telão.

Chegou a hora. A igreja está lotada, todos muito ansiosos, pois o casamento seria o maior casamento do Ceará, uma super produção.

Francisco chega à igreja suando frio. Dirige-se ao altar.

Matheus havia programado a exibição do vídeo na entrada da noiva. Não havia mais nada a ser feito.

Carmita entrava, à passos vagarosos na igreja. Era a oportunidade. De repente o vídeo começa a ser exibido.
Todos ficam espantados com o que veem. A igreja inteira se cala. Carmita para de andar, 

Pamella, nesse momento, está tremendo de medo.

É a reta final dessa mega novela. Não percam, amanhã, nesse mesmo horário!

Voz da Paixão: Pamella é o novo alvo de Matheus!

Capítulo 15
– Porque, rapaz? Por quê?

Matheus se veste e volta às pressas para Brejo Santo.

Ele vai à casa de Pamella e mostra para ela o vídeo. Pamella assiste à tudo aqui muito enojada:
– Que nojo! Como pôde ser tão cruel. Francisco não é gay, o que você aprontou?
Matheus diz:
– Relaxa amiga, um pouquinho de êxtase deixa qualquer um soltinho.
Pamella fica muito triste:
– Mas precisava de tudo isso mesmo? Não poderia ter pegado mais leve?
Matheus se irrita:
– Olha, Pamella, você me deu o endereço, você me incentivou, agora não venha querer bancar a desentida, ok?

Matheus tira uma arma e ameaça Pamella:
– Se você abrir o bico ou tentar roubar esse vídeo, você morre. Você realmente não sabe com quem está mexendo.
Pamella, com a arma na cabeça, chora desesperadamente:
– Por favor, Matheus, não faça isso comigo, por favor… Me deixe em paz… O que você vai fazer com esse vídeo?
Matheus, brincando com a arma, diz:
– Vou apresenta-lo no casamento dos dois. Imagine a cena: todos reunidos, ouvindo o padre a falar, quando de repente veem cenas de Francisco e outro homem. Vai ser lindo, perfeito!

Pamella sai correndo de sua casa e vai a casa de Yanka:
– Yanka, abre, por favor!
Yanka abre a porta e vê Pamella em desespero, dizendo:
– Yanka, o que você faria? Acabaria com a vida de uma amiga por causa de um garoto ou evitaria que sua amiga morresse de tristeza ao ver uma traição?

Yanka responde:
– Olha, Pamella, não sei do que se trata, mas faça o que o seu coração mandar.

Chega o dia do casamento.

Nessa segunda, iniciamos a reta final dessa ótima história. O que será que o destino reserva para Francisco, Carmitta e Pamella? Será que Matheus vai conseguir dar continuidade ao seu plano? É o que veremos. “Voz da Paixão”, de segunda à sexta, às 18h!

Voz da Paixão: Matheus, com toda sua maldade, usa Francisco como um objeto!

Capítulo 14
Matheus diz:
– Você sabe que homens como o Francisco guardam coisas maiores do que nós imaginamos, não é?
Pamella ri:
– Haha… Fala logo, está afim do Francisco, quer acabar o casamento dele? Se é isso, tem todo o meu apoio. Aqui está o endereço dele. Vá, beije-o, faça com ele o que achar que deve fazer. Divirta-se, diva!

Matheus ouviu aquelas palavras como a melhor coisa que já havia acontecido em sua vida. 

Determinado, ele vai até Brejo Santo. 

Matheus observa a casa de Francisco por dois dias e encontrou na mãe de Francisco uma grande oportunidade para pegar Francisco.

3 semanas se passam… Matheus conseguiu entrar na casa de Francisco, por intermédio da mãe do rapaz.

Onze e meia da noite, ele se despiu. Tomou um banho no quarto de Francisco. Deixou várias peças íntimas espalhadas pelo quarto e passou creme hidratante em seu corpo:
– Ah, Francisco, hoje você não me escapa. Quando eu trancar essa porta você será meu.

Meia noite, Francisco chega em sua casa. Entra em seu quarto. Ao acender as luzes ele tem um susto:
– Quem é você, o que quer, ou melhor, o que faz na minha cama?
Matheus diz:
– Calma, gatinho. Em breve você saberá…

Matheus deu uma água com êxtase para Francisco, que se rendeu aos “encantos” de Matheus. Tudo o que aconteceu aquela noite foi filmado. Matheus arquitetou e muito bem seu plano.

Francisco acorda e se depara com um vídeo de tudo o que aconteceu na noite anterior. Ele fica horrorizado, não consegue olhar para si mesmo, nu, usado por Matheus:
– Rapaz? O que você fez comigo? Quais são suas pretensões.
Matheus, irônico, diz:
– Hum, Francisco. Não sabia que você gostava dessa fruta. Achei que depois de tantos namoros você gostasse de meninas, mas… Vi que não.

Francisco se sente muito envergonhado diante da situação.

Voz da Paixão: Mais um personagem vai mexer, de maneira bem diferente nessa história

Capítulo 13
Francisco vai até a cidade de Mauriti e procura por Carmita.

Ele vai à casa dela e encontra Carmita muito mudada: cabelos que de pretos foram para louros claros, peitos horrivelmente cheios de silicone, igualmente ao bumbum. Carmita estava bombada, praticava fisiculturismo.

Francisco ficou abismado ao se deparar com o monstro que Carmita havia se tornado:
-Carmita, é você?
Os olhos de Carmita brilham ao ver o grande amor de sua vida:
– Francisco, meu amor.
Ela vai para beijá-lo, ele a evita:
– Carmita, não vim aqui para beijos.

Francisco estava enojado com o estado de Carmita. 

Ela percebe o olhar de espanto do rapaz e diz:
– Eu sei, eu sei. Está com nojo de mim. É eu mudei. Depois que você me traiu com a Pamella, veio a notícia que você transou com a Ortência e até teve um filho, ela ainda me ligou para contar como foi tudo. Daquele dia pra cá, fui mexendo na minha aparência para me tornar chamativa para você… Mas vi que não deu muito certo.
Francisco fica arrependido:
– Carmita, tudo isso por mim? Realmente, é amor demais. Vim te buscar, você quer ser minha mulher?
Carmita fica muito feliz com a notícia:
– Sim, é claro que eu quero!

Eles vão para Brejo Santo, onde começam a todo vapor os preparativos do casamento.

Ana Carmita tinha um amigo: Matheus. Ela gostava demais dele, ele era alegre, feliz, magro, bissexual.

Ele, há muito tempo, olhava com outros olhos para Francisco. Ele também era amigo de Pamella:
– Pamella… Tenho um grande plano. Quem é aquele gato que a Carmita viajou hoje? Era o Francisco não era?
Pamella responde:
– Sim, era o Francisco, parece que os dois vão se casar até…

Matheus olha para Pamella. Aquele olhar queria dizer muita coisa…

Voz da Paixão: O capítulo de hoje está trágico e vai dar rumos à nossa história!

Capítulo 12
Ortência suplica à Ewerton:
– Não, meu amor. Ele é nosso filho.

Ewerton está furioso. 

Um doutor passa e ele diz:
– Doutor, quero que faça urgentemente um exame de DNA. Tenho certeza que esse bastardo não é meu filho.

A criança acabava de completar um mês. A criancinha, fruto do amor de Francisco por Ortência chama-se Otávio. 

Ortência diz:
– Viu, Ewerton, nosso filhinho está tão lindo!
Ewerton tinha vontade de matar aquela criança:
– Chega! Lindo que nada, isso é um monstro!
Ortência fica horrorizada com as palavras do namorado:
– Calma, Ewerton…

Enquanto ela fala, chega o tão esperado exame de DNA.

Ewerton abre o envelope e confirma que Otávio não é seu filho. Ele anda à passos lentos à cozinha, abre a gaveta e pega uma faca. Ortência, distraída, foi pega de surpresa: Ewerton colocou a faca em seu pescoço:
– Calma, Ewerton, não me mate, não me mate, por favor, por favor.
Ewerton, com os olhos vermelhos, diz:
– É o fim. Nunca mais você vai trair ninguém!

Num ato de muita crueldade ele corta o pescoço de Ortência, que morre na hora!
Otávio começa a chorar. 

Ewerton vai com a faca para matar a criança, quando ouve na TV a seguinte frase:
– EU VIM AO MUNDO PARA QUE TODOS TENHAM VIDA E VIDA EM ABUNDÂNCIA.

A TV de Ortência estava ligada em um canal evangélico. Essa frase ouvida foi dita por Jesus. Ele se comove. Prepara um berço e um bilhete que dizia:

“Francisco, todo esse tempo que fomos amigos, sempre tive muita inveja de você. Sempre te odiei, mas te amava como homem… Queria ter você pra mim, mas… Foram tantas as circunstâncias, não pude nem ao menos te dar um beijo. Mas, ao invés de um beijo, te deixo o Otávio, seu filho, fruto de sua relação com Ortência. O DNA está dentro da roupinha do bebê. Seja feliz”.

Ao ler esse bilhete, Francisco se comove, não se contentava em saber que era amado por tantas pessoas e tinha tão pouco amor para dar…